Páginas

Resenha: Não Sou esse tipo de Garota


Não Sou Este Tipo de Garota, de Siobhan Vivian
Editora: Novo Conceito

Gosto bastante de livros juvenis... Infanto juvenil em fim! Esse não me chamou atenção pela capa e sim pela diagramação do livro, depois pela narrativa do livro simples e fácil, É um livro bem divertido,  muito bom de ler mesmo. Mas como um todo, o livro é muito bom e abre com chave de ouro o selo Jovem, da Novo Conceito. Recomendo para — principalmente — as adolescentes que estão nessa idade, em que surgem os relacionamentos e todo esse negócio de ser mais recatada ou curtir um pouco demais. indico também para quem quer se divertir pra caramba e relembrar os tempos de escola!


Sinopse: Perversa ou inofensiva? Confiável ou hipócrita? Controlada ou insensata? A vida é sobre suas decisões e escolhas, e Natalie Sterling se orgulha de sempre fazer as melhores. Ela ignora os caras populares e babacas da escola, sempre ganha medalhas de honra e está prestes a ser a primeira estudante jovem a ser presidente do conselho estudantil em anos. Se apenas todas as outras garotas fossem tão sensíveis e fortes. Como o grupo de novatas que querem ser brinquedos dos jogadores de futebol. Ou sua melhor amiga, que tomou uma decisão idiota que quase arruinou sua vida. Mas ser sensível e forte não é fácil. Não quando uma brincadeira quase a faz ser expulsa. Não quando seus conselhos doem mais do que ajudam. Não quando um cara que ela já deu um fora se torna o cara que ela não consegue parar de pensar. A linha entre o certo e o errado foi distorcida, e cruzá-la poderá resultar em um desastre… ou se tornar a melhor escolha que ela já imaginou fazer. 


O livro tem um tema bem interessante, a sexualidade na adolescência. O desejo de se mostrar, ser notado e curtir a vida! As personagens Natalie e Spencer tem opiniões totalmente diferentes quanto ao assunto.  A autora não ressalta, sua opinião na narrativa. Ela não dá a entender quem está com a razão, como as opiniões são muito bem elaboradas dos dois lados, cabe ao leitor decidir quem está certa. Um livro bem divertido e descontraido vale sim a pena ler, se divertir e lembrar das inseguranças da adolescência


Xintia Milanez



11 comentários

  1. Estou doida pra ler esse livro!
    Praticamente todas as resenhas que vi disseram a mesma coisa: que o livro é ótimo para quem está nessa idade ou que é bom para relembrar os tempos de escola.
    Gostei da temática abordada e a linguagem da autora deve ser boa de ler!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Assim como você também gosto muito dos livros juvenis. Tenho ouvido falar MUITO desse livro, todo mundo que leu parece gostar bastante. Mas como você disse, a diagramação não me chama lá muita atenção sabe? E por isso acabo deixando para lá, mas até que tenho uma certa vontade de ler, quem sabe uma hora né?

    beijos

    ResponderExcluir
  3. Oi Amiga lindaaa... vamos marcar nossa ida a Saraiva né?? ^^
    Esse livro parece ser legal.. não me chama tanto a atenção mas todo mundo fala tão bem que eu estou curiosa para lê-lo! Deve ser ótimo para meninas mais novinhas mesmo e apesar de eu adorar livros infato-juvenis, esse não é um dos que eu estou tão ansiosa. Mas você está certa, eu gostei da capa, de fato chama a atenção, fora que os marcadores com roupinhas são lindos, né?
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Achei o livro muito feminino... Então passo!

    ResponderExcluir
  5. Eu tenho! será minha proxima leitura minha listinha está enorme... Ele será o proximo com certeza to super ansiosa
    Bjus

    ResponderExcluir
  6. Acabei de comprar na Bienal! pretendo ler em breve... Otima resenha!

    ResponderExcluir
  7. HAHA, estou lendo ele *---------*, Perfeitoo!

    ResponderExcluir

Gostou? Comenta!

 
Desenvolvido por Michelly Melo.